Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]





Ora esta...

por Clementine Tangerina, em 02.06.09
Depois de uma semana cheia de calor, em que já pudemos pôr os nosso pezinhos ao ar, e vestir aquelas roupas fresquinhas fresquinhas, ir para a esplanada até de madrugada, abrir as janelas de casa sem ter que ligar o aquecedor...eis que...no fim de semana que a malta combinou ir para um fim de semana hiper radical, ameaça chover lá para os lados de Castelo Branco...ohhh senhooooriis, pleasseeee a meteorologia deve ter falhado mais uma vez as suas previsões...só pode! Só pode!

Autoria e outros dados (tags, etc)


A vida é um Carrossel...

por Clementine Tangerina, em 02.06.09


Um carrossel com muitas voltas e muitos altos e baixos, questiono-me muitas vezes das escolhas que fiz na vida, do curso que decidi tirar, das escolhas profissionais e do vivi e o que deixei de viver em algumas fases da minha vida.

Muito pouca coisa mudaria, talvez tivesse estudado mais, talvez se pudesse tinha dado mais de mim em alguns locais onde trabalhei, muito provavelmente não teria confiado tanto como confiei. Talvez...suposições do que já passou e não volta.

Com a experiência de vida, ganhamos uma perspectiva do que já vivemos e do que escolhemos para nós de uma maneira completamente diferente.

Hoje se pudesse tinha com toda a certeza optado por tirar um curso de design e fotografia, tentar conciliar as coisas era a minha grande paixão. Mas acredito que um dia irei tornar esse sonho no meu ganha pão...eu acredito que sim! Não custa sonhar, e eu sonho...sonho muito porque já dizia o poeta "o sonho comanda a vida..." e comanda mesmo. Se não sonharmos o que nos faz levantar todos os dias, e nos faz esperar pelas tão desejadas férias.

Quando conheço uma pessoa normalmente uma das primeiras perguntas que faço é se são felizes com a profissão que escolheram e se sentem que são seres humanos realizados...felizmente tenho ouvido as mais variadas respostas...mas a verdade é que do meu grupo de amigos tenho infelizmente muitas pessoas que não estão a trabalhar nas áreas onde tiveram formação e acaba por ser muito triste...porque se estudou, se investiu tempo para passar uma vida a fazer-se aquilo que não se gosta.

Mas também há aqueles casos, que se opta por não se trabalhar na área que se tem formação ( moiii) para ganhar outras coisas da vida, mais estabilidade financeira, mais tempo, e muita qualidade de vida. É claro que há dias que bate uma saudade interminável, mas nessas alturas e falo por experiência própria penso naquilo que ganhei e naquilo que perdi. Sinto muitas saudades dos olhares cúmplices e das risadas no trabalho, mas há outras compensações na vida que infelizmente só obtive fazendo o carrossel dar uma volta no sentido contrario.

Mas eu sonho, e acredito que o meu dia vai chegar, o dia de todos vai chegar...não pudemos é cruzar os braços e ficar à espera que milagres aconteçam, porque isso não acontece mesmo. Lutar pelo que se quer, por aquilo que se sonha e não esquecer de comprar a ficha para conseguir entrar no carrossel na hora certa.

E eu vou conseguir entrar no carrossel...

Autoria e outros dados (tags, etc)


Vida Alheia...

por Clementine Tangerina, em 01.06.09

Questiono-me muitas vezes porque é que as pessoas se interessam mais pelas desgraças dos outros do que com as alegrias?
É verdade...se não vejamos...quando há um acidente nas estradas é ver toda a gente a reduzir a velocidade ( se não mesmo a parar) para ver a situação, já viram alguém parar o carro para verem dois apaixonados a beijarem-se ou a casarem?
As revistas cor de rosas já provaram que vendem mais com as desgraças das estrelas do que com a sua felicidade...o que vende é o drama de faca e alguidar não é os casamentos e os filhos.
Quantas vezes deram por vocês com vontade de ligar à pessoa x e y porque souberam que tem um problema de saúde ou está em fase de divorcio? E quando essa pessoa é promovida ou anunciou que vai viver com o namorado, a vossa vontade é nem um telefonema fazer.
Será que a felicidade alheia incomoda mesmo o ser humano? Será ?

Recentemente ouvi uma conversa e fiquei a matutar sobre:

Ele: A mulher do Guilherme está gravida?
Ela: ohh que bom p'ra eles ( com sarcasmo!)!
Ele: Por acaso é, eles queriam tanto engravidar..
Ela: Mas não é "eles queriam" é ela queria...engravidar só engravida ela e não ele... (ruída de inveja!)!
Ele: Ohhh não sejas assim, engravidaram é maneira de falar...
Ela: Olha que sejam muito felizes...longe!
Ele: Às vezes não te percebo...a sério que não...gostas tanto de crianças e depois tens esta reacção...ridícula!
Ela: Sabe-se lá porque!


Ouvi e registei...realmente há pessoas que tudo o que lhes rodeia lhes mete uma certa comichão...há pessoas que tentam a todo esforço imitar a vida alheia. Uma amiga recentemente revelou-me que tem uma familiar que é assim, que imita tudo e mais alguma coisa, quando ela engravidou a dita quis porque quis engravidar ao mesmo tempo, quando se soube que a minha amiga ia ter um rapaz a familiar desta ficou triste porque ia ter uma menina. Depois vieram os carros e as viagens...o que a minha amiga comprasse a outra comprava. Os filhos foram para o infantario e lá foi a dita colocar os miudos no mesmo local que a minha amiga, o marido ofereceu-lhe uma mala da Carolina Herrera no natal a outra teve que ter uma igualzinha, a minha amiga programou ir passar o ano novo a Veneza lá foi a outra atras...ohhhhh pesadelo...
Nem era preciso ir ter com a minha amiga para saber as novidades porque a outra era a vida espelhada da minha amiga em dosse dupla.
Confesso que a mim me mete um pouco confusão este tipo de pessoas, pois parece que não tem personalidade própria e que precisam da vida alheia para se sentirem vivas. Ridículas!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 4/4



Mais sobre mim

foto do autor




Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2007
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2006
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2005
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D