Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Amar & Amar

por Clementine Tangerina, em 14.04.09




Há diversas formas de amar, e diferentes formas de se gostar.
Com o passar dos anos, percebi que há amores diferentes, o amor incondicional que sinto pelos meus amigos e pela minha familia, que me acompanham e me apoiam nos melhores e nos piores momentos fazem que já não me consiga imaginar sem eles, sem os seus sorrisos, as gargalhadas espontâneas, os abraços nos momentos certos.
Depois há aqueles amores que vão nascendo de um simples email que recebemos de pessoas que nunca vimos mas que de imediato nos fazem querer falar mais e revelar mais sobre nós e sobre a nossa vida. Amores que de dia para dia vão crescendo e tendo a sua importância na nossa vida.
Já o disse e não tenho receio de o dizer, por alguma razão escolhemos os nossos amigos, e aparentemente não escolhemos a nossa família.
Ambos são realmente importantes para a nossa existência, mas às vezes fico chocada com as noticias que leio de actos transloucados de algumas familias. Pergunto-me muitas vezes se não estou a ver um filme porque há comportamentos inesplicaveis, sem sentido. Compreendo que existam comportamentos que vem da vivência dos seus antepassados e dos exemplos que lhes foram dados, mas acho que muitas vezes se esquece o porquê de se ter filhos e de os educar. Amor, parece que é algo que infelizmente não existe em muitas famílias e é triste, porque depois percebemos que vivemos numa sociedade fria e distante, e muitas vezes sem percebermos porque. Uma sociedade que tem medo de revelar o que realmente sente e de demonstrar afectos, que vive focada em si propria e no lado materialistas que todos os dias é alimentado pelas novas tecnologias. Será que se esqueceu que há coisas que não se consegue ver mas que são mais importantes que tudo o resto?

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Paula Guimarães a 14.04.2009 às 11:45

Que texto tão bonito! Parabéns =) O amor é o que move o mundo.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor




Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2007
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2006
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2005
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D