Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Dar e Receber, qual o preço?

por Clementine Tangerina, em 16.08.06

Desde a nossa existência enquanto seres humanos, somos habituados a ter presentes nas nossas vidas.
É quando nascemos, depois é quando somos baptizados, depois no natal, dia da criança…enfim uma data de dias sem fim.
Depois em adulto tudo muda. O Natal já não é o que era, já não existe a Barbie para nos alegrar, nem o nenuco para pegarmos ao colo, existe sim um pijama dado por um tio afastado, um livro de poesia do secúlo passado, e com sorte uma caixa de chocolates do ano anterior.
Confesso que não acho piada ao natal, pois acho que é uma data em que não se dá valor aos presentes, pois toda a gente dá (e nós somos “obrigados” a dar também).
Considero realmente importante o aniversário, pois é um dia que é só nosso e que marca…fica registado. Normalmente lembro-me bem dos presentes que me oferecem no meu aniversário, mas no natal nem por isso. Pois são datas tão diferentes.
Para mim um presente de aniversário, não precisa ser algo de valor, de marca, que esteja na moda. Um presente é algo que sei que foi escolhido em determinado momento pela pessoa que oferece. Pode ser uma simples folha branca com uma simples mensagem escrita com o coração. Pode ser um cd de música feita com selecção musical da pessoa…coisas simples mas que enchem o meu coração de alegria. Demonstra que a pessoa realmente se esforçou e que pensou em mim enquanto o fez.
Há alguns natais que deixei de oferecer presentes que não sejam feitos por mim. No ano passado fiz um bloco de notas com uma fotografia feita por mim e um texto que contava um pouco a história daquela pessoa perante os meus olhos. E este ano que passou, fiz uma selecção musical para todos intitulado “As músicas que eu escolhi a pensar em ti…”, algo muito simples mas que alegrou todos por ter sido personalizado. Toda a família gostou, por ser diferente. Quanto as amigas, ofereci coisas que achei que se enquadravam nas suas futuras casas…
Gosto muito de surpreender, de oferecer prendas fora de horas. Adoro passar num determinado local e pensar que determinado objectivo ficava lindo na sala de Y e objecto tal no quarto de X.
Não consigo por exemplo a resistir a não comprar uma joaninha quando encontro alguma diferente e oferecer a Mariazinha, pois sei que ela adora e por ser tão simples vai com certeza alegra-la.
Gosto de oferecer postais feitos por mim, com pensamentos e poemas que me trazem boas recordações. Gosto de escrever em livros as minhas recordações e oferece-las aqueles que me estão próximos .
Para mim isso sim, são presentes valiosos, aqueles que são pensados e imaginados. Um simples guardanapo de café, escrito me deixa com um sorriso nos lábios.

Autoria e outros dados (tags, etc)


3 comentários

Sem imagem de perfil

De sónia a 17.08.2006 às 12:22

..tb sou muito assim ;)
há 2 semanas vi um lenço que era a cara de uma amiga - comprei e disse-lhe "parabéns!" (ela só faz anos em outubro!!!) lololol
adoro dar prendas "fora-de-horas" - são as horas indicadas!
Sem imagem de perfil

De Joana a 17.08.2006 às 13:04

uma joaninha!!! weeeeeeeeee!!!
é tão bom! uma ladybug só para mim!
:)
mim gostar muito de Jojo's...
"Jojo in teh Stars"!!!

Eu adoro dar presentes, gosto de sentir que o que ofereci vai ser util e a pessoa gosta realmente mesmo e que se vai lembrar de mim!
:)
bjs
Sem imagem de perfil

De flor a 17.08.2006 às 17:19

Por acaso n fui habituada a ter presentes no Natal, nem eu nem os meus primos e crescemos assim, nunca lhes sentimos a falta.
O giro era mm estarmos todos juntos.
Pessoalmente adoro o Natal, pq fui habituada a vê-lo assim: todos juntos. E qd n é possivel, fico deprimida.

Qt aos teus presentes, são mm os melhores do mundo! Sempre fantásticos pq são feitos por ti e c mt Amor (q eu sei), ou simplesmente n os darias!

Beijinhos floridos

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor




Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2007
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2006
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2005
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D